web analytics

Na senda daqueles que tinham sido os objectivos traçados, pelo Movimento dos Técnicos de Saúde Ambiental, aquando da elaboração do manifesto, importa agora veícular alguma informação em falta.

Depois de alguns dias (muito poucos em função da urgência da situação) em que se submeteu o manifesto para subscrição, por todos os Técnicos de Saúde Ambiental que de alguma forma se revessem naquele documento, conseguiu-se atingir um número significativo de subscrições por região de saúde, nomeadamente: Norte – 73 subscrições; Centro – 50 subscrições; Lisboa e Vale do Tejo – 93 subscrições; Alentejo – 10 subscrições; Algarve – 14 subscrições; Madeira – 3 subscrições; e Açores – 2 subscrições.

Até à manhã de dia 22 de Fevereiro, perfez-se um total de 245 subscrições, que foram remetidas nesse mesmo dia e conjuntamente com o manifesto, para várias entidades. A saber:

  • Exmo. Sr. Presidente da República;
  • Exmo. Sr. Primeiro-Ministro;
  • Exmo. Sr. Ministro da Presidência;
  • Exmo. Sr. Ministro da Saúde;
  • Exmo. Sr. Ministro de Estado e da Administração Interna;
  • Exmo. Sr. Ministro da Ciência e do Ensino Superior;
  • Exmo. Sr. Ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e do Desenvolvimento Regional;
  • Exmo. Sr. Ministro da Educação;
  • Exmo. Sr. Ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural e Pescas;
  • Exmo. Sr. Ministro do Trabalho e da Solidariedade;
  • Exmo. Sr. Ministro das Finanças;
  • Exmo. Sr. Ministro da Economia e Inovação;
  • Exmo. Sr. Director-Geral da Saúde;
  • Exmo. Sr. Presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses.

Como poderão depreender, neste momento, todas estas entidades têm conhecimento do manifesto e das proporções que este movimento tomou.

Refira-se ainda que foram solicitadas audiências ao Exmo. Sr. Presidente da República, ao Exmo. Sr. Primeiro-Ministro, aos Exmo. Sr. Ministro da Saúde e Exmo. Sr. Ministro de Estado e da Administração Interna, assim como à Associação Nacional de Municípios Portugueses.
Importa ainda salientar que, até à data, o número de subscrições atingiu as 255. Apesar de se ter definido uma data limite para as subscrições, muitos houve que, só tendo conhecimento do manifesto numa fase posterior à data definida para a sua subscrição, não quiseram deixar de evidenciar a sua anuência às ideias explanadas naquele documento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *