A propósito do caos, é hoje notícia no Diário Económico que o “Ministério da Saúde dispensa 180 médicos e 3 mil enfermeiros“.
Entretanto, Correia de Campos, Ministro da Saúde, já veio desmentir tal notícia (nota de rodapé, num canal televisivo qualquer).
One thought on “A Saúde e as dispensas!”
  1. Pois é…
    nos precisamos de respostas e ja!!
    Pk a verdade e q o tempo de contratos para alguns esta a chegar ao fim!!
    O importante é saber, como vamos ficar!
    So espero q o levantamento das”QUOTAS”, n seja efémero.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *