O The Royal Environmental Health Institute of Scotland (REHIS), que representa os Técnicos de Saúde Ambiental (TSA) escoceses, alerta para o facto de ao longo da última década o número de TSA em actividade nos concelhos daquele país ter diminuido 40%. Dos mais de 800 TSA que existiam, restam agora apenas cerca de 500 profissionais.

Informação recolhida no The Herald. Saibam mais aqui.

No nosso país, ao longo dos últimos anos, a tendência tem sido inversa, à excepção do ocorrido em 2006, ano em que se verificou uma ligeira diminuição do número de TSA face ao ano de 2005. Contudo, temo que os dados referentes a 2007 sejam mais acentuados e perspectivo que piorem em 2008 e 2009. Face ao atraso com que a Direcção Geral da Saúde disponibiliza os dados (mais de um ano), lá para 2011 saberemos se terei, ou não, razão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *