Saúde Ambiental... ESTeSL

Saúde Ambiental. Salud Ambiental. Environmental Health. Santé Environnementale.
Blogue da Área Científica e do Curso de Saúde Ambiental da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (ESTeSL)
Todas as opiniões aqui expressas são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.

2 Comentários

Carla Ramos MonsterID Icon Carla Ramos Disse,
March 21st, 2010 @23:13  

Tinha de estar presente! Para além de participar numa iniciativa nacional, ajudei a limpar a minha freguesia. Não fomos muitos mas fomos bons no trabalho que fizemos. A meio da manhã já haviam vários sacos cheios. O que ficou por limpar não depende de nós (a menos que conseguíssemos transformar as nossas mãos em pás de retroescavadoras), mas sim da boa vontade dos autarcas da freguesia e do concelho… e principalmente da consciência daqueles que durante anos despejaram os resíduos naquele local.

ana catarina pires MonsterID Icon ana catarina pires Disse,
March 23rd, 2010 @21:04  

Embora resida em Lisboa, estive no Concelho de Torres Vedras, mais especificamente na freguesia de S. Mamede da Ventosa, onde costumo passar os fins-de-semana. Nesse dia estavam presentes cerca de 50 pessoas, distribuidas por 4 subgrupos. O meu subgrupo teve a seu cargo a limpeza de 5 pontos, dos quais constavam um parque, um eucaliptal e um pinhal. Foram recolhidos objectos de todo o género, desde sofás, a electrodomésticos, peças de automóveis e vários tipos de embalagens! Apesar da chuva que se sentiu e de algumas dificuldades de acesso aos locais (na sua maioria estradas secundárias que se encontravam enlameadas…) os objectivos foram cumpridos e acima de tudo o esforço dispendido por todos foi muito recompensador. No final do dia, reinava a boa disposição e a sensação de dever cívico cumprido! Apenas lamento que só os jovens da freguesia (na sua maioria escuteiros) tivessem participado, não existindo disponibilidade da parte de outras faixas etárias… Espero que a iniciativa tenha servido para alertar a consciência de muitos cidadãos, e que no futuro a população tenha mais cuidado! É inadmissível os restos de construção civil despejados ilegalmente, quando neste momento já existe encaminhamento adequado, assim como os “monstros” encontrados, sendo que as autarquias hoje em dia já procedem à sua recolha gratuita. Se repetirem a iniciativa para o ano, lá estarei!

Posts Relacionados

Por favor, deixe o seu comentário...

Atenção! Todos os comentários serão moderados