web analytics

As inter-relações e interdependências entre trabalho e saúde são o objecto de estudo da Saúde Ocupacional. Os riscos profissionais variam consoante o tipo de actividade profissional mas dependem, acima de tudo, das condicionantes do trabalho, designadamente, do tipo de organização (ex.: hierarquia, horários, exigências de produtividade), das condições de trabalho (ex.: ambiente, espaços de trabalho), dos equipamentos e das características e capacidades das pessoas/trabalhadores. A prestação de cuidados de saúde, em Hospitais e outras Unidades de Saúde, constitui uma área peculiar nessa relação entre a actividade de trabalho e a saúde/doença dos profissionais de saúde. Desse modo, as influências (positivas e negativas) do ambiente (incluindo o ambiente de trabalho) são cada vez mais reconhecidas como um aspecto essencial das agendas políticas na área da saúde da maioria dos países do mundo.

É nesse sentido que surge o Curso de Extensão Universitária em Saúde Ocupacional em Unidades de Saúde, que se destina a licenciados na área da Saúde e outras áreas afins, com interesses na Saúde Ocupacional e Ambiental ou na Saúde, Higiene e Segurança dos Trabalhadores nos Locais de Trabalho e que apresenta os seguintes objectivos:

  • Apresentar, analisar e discutir os fundamentos metodológicos da saúde ocupacional e ambiental na área das unidades de saúde, em particular nos hospitais, numa perspectiva centrada na saúde e segurança dos profissionais de saúde e na qualidade da prestação de cuidados de saúde;
  • Contribuir para o incremento da aplicação de uma metodologia de análise das situações de trabalho (análise ergonómica do trabalho) que permita a sua compreensão no sentido da adequação às características e capacidades dos trabalhadores;
  • Demonstrar a importância da abordagem sistémica e integrada das situações de trabalho, em contexto de prestação de cuidados, no planeamento e programação de prioridades de melhoria das condições de trabalho em hospitais;
  • Capacitar os estudantes para a identificação e avaliação da (1) influência (positiva ou negativa) do ambiente e condições de trabalho sobre o profissional de saúde em actividade e (2) dos respectivos efeitos, quer sobre os trabalhadores, quer sobre o sistema e doentes, tendo em vista a prevenção de riscos profissionais e uma adequada protecção e promoção da saúde dos profissionais de saúde.

Esta é uma oferta formativa conjunta da

ENSP » Escola Nacional de Saúde Pública
Avenida Padre Cruz, 1600-560 Lisboa | Telef: 217 512 100 | Fax: 217 582 754
E-mail: academicos@ensp.unl.pt

e

ESTeSL » Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa
Avenida D. João II, Lote 4.69.01,1990 – 096 Lisboa, Parque das Nações
Telef: 218 980 485/218 980 400 | Fax: 218 980 460
E-mail: centro.formacao@estesl.ipl.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *