web analytics

Faz amanhã uma semana que divulgámos, na nossa página no Facebook, o Questionário AP Tox – Temas Emergentes em Saúde Ambiental em Portugal. A Associação Portuguesa de Toxicologia dispensa apresentações porquanto já lhe dedicámos uma mensagem, em Julho de 2009 (ver Associação Portuguesa de Toxicologia (AP Tox)).

Em introdução ao questionário pode ler-se que «na última década, a legislação Europeia sobre saúde e ambiente avançou significativamente. Em consequência, os temas actuais em saúde ambiental na Europa evoluíram dos tradicionais temas relacionados com as condições sanitárias, a poluição do ar, nutrição, as doenças infecciosas e exposições ocupacionais até aos perigos ambientais associados à poluição industrial, resíduos, produtos de consumo, práticas agrícolas, alterações climáticas e nanomateriais. Esta evolução resultou na necessidade de adaptação dos profissionais de saúde ambiental a um conjunto de conhecimentos multi-disciplinares. Esta necessidade de alteração rápida do perfil dos profissionais de saúde ambiental coloca exigências nos requisitos de formação e pesquisa neste campo.»

A Associação Portuguesa de Toxicologia (AP Tox) pretende então, com a aplicação deste questionário, compreender o impacto que essas alterações estão a ter na Saúde Ambiental em Portugal. Nesse sentido o questionário sobre “Temas emergentes da Saúde Ambiental em Portugal” tem como objectivo identificar os problemas chave actuais e futuros em Portugal e avaliar necessidades adicionais de formação e investigação.

Este questionário é dirigido a indivíduos ligados à saúde ambiental nas organizações portuguesas, a nós portanto, e pode ser preenchido online entre 15 de Novembro de 2010 e 31 de Janeiro de 2011. O questionário também está disponível em formato pdf, que depois de preenchido deverá ser devolvido por correio electrónico.

O questionário é constituído por 10 questões e deverá demorar menos de 10 minutos a ser preenchido. Todas as respostas serão tratadas confidencialmente, sendo apenas divulgados os resultados do tratamento estatístico final. Os resultados finais serão disponibilizados gratuitamente a todos os participantes que indicarem o contacto para envio no final deste questionário.

Participem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *