web analytics

Foi em maio de 2010 que, pela primeira vez, fizémos alusão ao Plano Nacional de Saúde (PNS), que na altura se pensava vir a ser para os anos 2011-2012 (ver Plano Nacional de Saúde 2011-2016). Naquela ocasião apelámos ao contributo de todos para a sua construção.

Naquele mesmo ano, em novembro, os estudantes que naquela aquela ocasião frequentavam o terceiro ano do curso de licenciatura em Saúde Ambiental da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (ESTeSL) foram notícia a propósito da sua participação na discussão pública do PNS (ver Estudantes de Saúde Ambiental dão contributo para o Plano Nacional de Saúde 2011-2016).

Hoje, voltamos a este mesmo assunto para sugerir, a todos aqueles que ainda não o fizeram, uma leitura cuidada daquele que é o documento final do Plano Nacional de Saúde 2012-2016, que contou ainda com  participação dos docentes da área científica de Saúde Ambiental da ESTeSL, Vítor Manteigas e Ana Monteiro, materializado no texto enviados pela direção da Escola (ver ESTeSL: Tecnologias da Saúde nos Cuidados de Saúde Primários).

O reconhecimento destes contributos vem agora espelhado no próprio Plano Nacional de Saúde 2012-2016, onde destacamos, mais uma vez, a referência aos “Alunos 3º ano Licenciatura Saúde Ambiental / Escola Superior Tecnologia Saúde Lisboa – Instituto Politécnico Lisboa”. Este é um reconhecimento que irá perdurar na história da saúde em Portugal. Parabéns!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *